Apresentação

A Academia Falerística de Portugal foi fundada por iniciativa de um grupo de entusiastas e amantes da Falerística, em 3 de Outubro de 2008, sob a forma de Associação, sem fins lucrativos, tendo como objectivos promover os estudos relativos a ordens, condecorações e medalhas e a sua publicação, bem como a realização de conferências e cursos.

Em 15 de Abril de 2010, a A .F. P. deu início à sua actividade com a realização da Assembleia Geral Constituinte constituída pelos académicos fundadores e, na qual, foram eleitos os membros dos Corpos Sociais e aprovado o Regulamento Interno, subsidiário dos Estatutos.

A A. F. P. propõe-se editar um Boletim periódico – bi-anual -, promover a publicação de estudos (vg. «Cadernos de Falerística», sem periodicidade regular) e, organizar exposições, encontros, seminários, conferências, cursos e, visitas de estudo a fim de divulgar, promover e alargar o conhecimento e o interesse pelo estudo e investigação sobre as ordens, condecorações e medalhas, nos seus aspectos histórico, social e cultural, realçando a importância da Falerística, como ciência auxiliar da história social e da historia de arte.

Tem vindo igualmente a apoiar e a participar em actividades promovidas por outras entidades, como o Museu de Marinha e o Museu Militar de Lisboa

Embora focada primordialmente na falerística portuguesa, a Academia incentiva igualmente o estudo da falerística estrangeira, sobretudo da relacionada com Portugal.

Os interesses dos académicos são múltiplos e diversificados, estendendo-se desde as antigas ordens militares e, as ordens de cavalaria fundadas no dealbar de oitocentos, às medalhas da Guerra Peninsular e de outras Campanhas Militares do século XIX, às medalhas comemorativas, às ordens de mérito e às medalhas militares vigentes, ou criadas, sob a monarquia constitucional, até às ordens honoríficas e medalhas, militares e civis, contemporâneas.

E, a par dos coleccionadores, há os que se interessam igualmente pela investigação, nas vertente falerística pura – histórica, social, militar e cultural – desde o aprofundar das circunstâncias e fundamentos do agraciamento, até à biografia, genealogia e iconografia do agraciado ou condecorado.

A A. F. P. tem vindo a crescer a um ritmo regular contando actualmente (Julho 2013) com 65 Académicos portugueses e, estrangeiros oriundos da Alemanha, Argentina, Bélgica, Espanha, E.U.A., Dinamarca, Holanda, Itália, México e Namíbia.

O Portal da A. F. P. pretende não só, servir de elo de ligação entre os Académicos, mas também dar visibilidade à instituição junto dos internautas, dando a conhecer as suas actividades, divulgando a Falerística e promovendo o interesse pela mesma junto do público.

Neste Portal poderá encontrar páginas através da barra de navegação acima, dedicadas à:

1. Estatutos e orgânica da A.F.P. – corpos sociais, estatutos e regulamento Interno;

2. Falerística nacional – ordens, medalhas e outras condecorações, com várias sub-páginas;

3. Espaço reservado aos Académicos – convocatórias, circulares, notícias, recensões de livros e outras rubricas e fórum de falerística (em construção); para navegar neste espaço poderá solicitar o acesso preenchendo o formulário. A password ser-lhe-à enviada por e-mail.

4. Boletim – Pro Phalaris – página com índice das matérias e sumários dos Boletins editados pela A.F.P.

5. Eventos 2013 – 2012 – 2011 – 2010, v.g. Realização do IV Encontro Europeu de Associações de Falerística, Lisboa, Outubro, 21-24, 2010 e Notas de Imprensa.

6. FAQ’s – Perguntas & Respostas Frequentes

7. Ligações úteis sobre falerística

Para além das páginas o Portal contem um Blog cujas postagens poderão ser acedidas pelos links colocados na barra lateral direita com acesso a:

  • Posts recentes (publicados por ordem cronológica)
  • Arquivo mensal (com menu dropdown)
  • Pesquisa de posts por categoria